14 julho 2007

VIVA E DEIXE MORRER

Meu último final de relacionamento não foi lá muito agradável. Fiquei mal. Chorei. Fui ao fundo do poço. Mas voltei. Mais forte. Com mais vontade de começar tudo de novo. E o melhor disso foi que aprendi. Aprendi que existem duas formas de você sair de uma grande merda feita: ou você liga o foda-se ou quem se fode é você. Então eu resolvi ligar o foda-se.

Descobri que nada pode ser tão ruim quanto parece. E que a gente costuma ver nossos problemas como os piores grandes acontecimentos do mundo. Mas não são. Seu último namorado não é a última bolacha do pacote. Acredite em mim. Não é. Mas só o tempo mesmo pra fazer a gente enxergar isso. Não adianta sua melhor amiga falar. Ou sua mãe. Muito menos eu.

Você não vai achar outro cara igual ao seu ex-namorado. Ninguém vai te olhar com aquela carinha fofa e aqueles olhinhos pequenininhos que ele tinha. Ninguém vai segurar seu pé do jeito que seu ex-namorado segurava. Ninguém vai te chamar por aquele apelido que ele inventou pra você. Você não vai achar outro cara como ele. Mas você vai achar um cara que te trata como uma princesa. Vai achar um cara que te faz rir das coisas bobas que ele fala. Vai achar um cara que te amolece com o jeito que ele encosta o nariz dele no seu. Existem milhares de cidadãos bacanas por aí. E esse cidadão pode não ter a boquinha rosinha que você adorava mas vai ter um narizinho em pé que você vai adorar também. Ele pode não ter um calo abdominal pra você implicar mas vai ter aquele pé branco-de-dar-medo que vai te matar de rir.

É assim. Ninguém faz igual a ninguém. Mas alguém pode fazer melhor. Alguém pode fazer diferente e você vai gostar também. As pessoas chegam na sua vida, as pessoas vão embora. É assim que funciona. Final de namoro? Ótimo. Ao invés de ficar deitada na sua cama, chorando, coloque a sua melhor roupa, seu salto mais alto e seu melhor sorriso. A boa notícia é que tem outro cara tão bacana quanto aquele último perdido por aí. E que está cheio de caras bacanas fora da sua cama doidos pra estar nela.

Pra isso serviu meu estágio na vida de solteiro. Pra eu ver que existe um mundo de possibilidades aí fora. Que a gente cai pra aprender a se levantar (isso eu aprendi no último filme do Batman). Que, se alguém não quer estar com você, mande esse alguenzinho de merda pastar! Ele pode ser lindo, cheiroso, gostoso, charmoso e um monte de outros “osos”. Se ele não te quer, ele não tem o primeiro quesito da lista.

Meus amigos dizem que sou fria. Que tenho coração de gelo. De jeito nenhum! Sou apenas prática. A dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional. Até porque nunca tive talento pra auto-flagelação. Fui mimada a vida inteira. Por isso gosto de ser bem tratada. Exijo. Comigo, é do meu jeito (my way or the highway). E se não tiver bom assim, querido, passe mais tarde! O produto é de boa qualidade e tem garantia. Não gostou? Devolve. Tem uma fila gigante lá fora só esperando a porta abrir.


<><><><><><><><><>


Queridos, agradeço todos os infinitos e-mails que tenho recebido pedindo cadastro no blog. Só no primeiro dia, foram quase 50! E quase morri do coração. Depois, parei de contar com medo de infartar. Meu coração é fraco, apesar de eu tentar bancar a durona.
Estou respondendo todos os e-mails um por um, mas realmente ainda não sei qual o destino do blog. Estou avaliando as sugestões que tenho recebido.
Amo vocês! Dá vontade de postar cada e-mail lindo aqui!!!
Obrigada demais!
Beijo

69 comentários:

rafa disse...

oieee!
nossa maravilhoso esse texto!!!
lindooooooooooo
beijao

A felicidade é um estado de espirito disse...

mas é muito dificl Brena, é preciso muita força de vontade mesmo digo pqto nessa a um tempão!!!

Lara disse...

Nosssa. nããooo é pocivelll!
Voce é uma das melhores escritoras do MUNDO , fala sééério. voce não é igaul aqueles escritores chatos, que fica enrrolando pra fala.
voce FALA oke penssa, eee pronto!
e se alguem não gosta ?! azar da pessoaa... voce é voce! e euuu adimiroo muitooooooo issso.
to sempre vindo aki, adoroo o seu Blogg, esta na pag de favoritos.
ee éééé serio. escreve um Livro.
vc tem mtaa bagabem , experias, de vida boas.. voce se expressa muito bem.
se voce escrevesse um Livro.
EUU COMPRAVA ^^
ADORO VC, sem mesmo te conhecer pessoalmente ;*
Láá Cevada

Jujú Volúpia - versão blogada! disse...

Querida Brena...

É incrível como eu sempre acabo lendo aqui coisas que realmente precisava ler. Fins de namoros são realmente doídos demais, o meu último sério terminou há quase um ano e eu ainda tento entender quem sou. Lendo seu texto chorei, porque ainda dói aqui dentro (mesmo eu gritando ao mundo que não tô nem aí). Dói porque esse cara aí legal, esse outro, ainda não aparece pra mim...apareceram vários e vários, mas nada em especial!

Será que eram eles os toscos, ou é meu coração que ficou assim?

Não sei, mas ler isso me dá ânimo e coragem!

Não dos deixe jamais, vicê?

Beijocas nesse coração bonito, bonito!

Cristina disse...

Adorei, Brena! No momento a dor é insuportável, mas depois vamos pouco a pouco descobrindo que o mundo tá cheinho de gente interessante pra gente se interessar também! :)
Bjão

Flor de Aço disse...

preciso aprender muito...
Muito mesmo! e me valorizar mais!!!
texto lindo!
coo sempre!!!
bj

Dórote disse...

Dórote, que saudade de ler seus textos!!!! Agora que eu sou uma pessoa formada, desempregada (tô de férias) e com tempo pra voltar a ler (passatempo perdido no tempo), não te abandono mais...
Como sempre, seus textos estão PERFEITOS!!!!!!
Bjosssss

Bella disse...

Oi Brena.

Amei seu texto, simplesmente perfeito e por incrível que pareça, era tudo o que eu precisava ouvir agora.

Bjks!! Bella

Anônimo disse...

Simplesmente Lindo!!!

Querida!!! Vale a Pena Tentar de Tudo qdo a ALMA não é pequena!!!

Bjos

... Danizita ...

Sahh disse...

Oi querida!
:D
Vc merece todo o reconhecimento que existe..
vc tem MTOOO talento!
Seus textos são fabulosos!
E por coincidência, ou não, sempre acompanham a minha vida!
Fuii a incomodada.. e eu me retirei..
E com certeza to colocando minha melhor roupa e saindo daqui ;D

TUDO DE BOM PRA VC =**

Dii drumond disse...

Oi Brena.
Tudo bem?!
Sou a diana, do orkut, lembra?!
entrei nessa de blogger tbm. :)
hehehe
Seu texto como sempre maravilhoso. Muito perfeito.
Concordei com tudo plenamente.
beijos querida.
Sucesso. xD

Anne Baylor disse...

Oi menina..
Texto bacanérrimo.
Muito legal mesmo.
A gente pensa mesmo que é o fim do mundo quando um namoro se acaba, mas, como vc, aprendi a ver que o final, é apenas o começo de outro..
E o outro, pode ser bem melhor..

Um bjo enorme pra vc.

Ela, banheiro unissex disse...

Oiii, estava passando por uma situacao parecida com a sua, e tb fiz um post. ;)
Gostei daqui, voltarei mais vezes. Bjs

Simplesmente disse...

Oieee

Como vc adivinhou que eu acabo de fazer parte doclube que tem um ex?
rsrs

Muito bom

Sofrer é mesmo opcional

Show!

Bjo pra vc

Ricardo Rayol disse...

A fila sempre anda e em algum canto tem sempre alguém melhor. Pode demorar mas se acha.

Renata disse...

Oi, Brena! Não conhecia seu blog, mas logo no primeiro post que eu li você disse tudo que eu senti em relação a um fim de namoro recente... :)

luma disse...

Brena, a vida ensina a endurecer mas nunca perder a ternura! (rs*) Quem nunca sofreu por amor e foi ao fundo do poço? O que muda é o tempo que se fica no fundo do poço. Alguns revertem isso, outros nunca, preferem carregar a cruz dos infelizes.
O link que te falei está no selinho "Plágio é crime, denuncie" - http://sandrapontes.com/?page_id=816 -
Com expliquei anteriormente, de uma pessoas que foi plagiada na cara dura!
É bom sempre ouvir opiniões! Boa semana! Beijus

Wev's disse...

Graças a Deus que a proxima não vai ser igual...

O Ruim das princesas é que elas nunca querem ir pro mato comigo...

As ogras nesse quisito são exelentes...hehehe

Espero uma que pelo meonos me deixe ir no mato final de semana...e venha comigo... claro...

Paula Estrela disse...

Brena,

Adoro seus textos tão cheios de vida. Vida boa, vida ruim, acontecimentos... palavras em movimento.

Graças a Deus (e ao tempo), hoje chamo os "exs" de passado, as dores de acidente e quero receber o futuro embrulhado em papel de presente (rimou? kkk.

E o mais importante, só quero quem me queira. Simples, fácil, bem mais feliz!

Bjocas!

mojitos disse...

8500 km em 18 dias.

Passei por Belô. Passei por vários lugares. Vi a vida acontecer, me decepcionei e decepcionei pessoas.

O seu album do orkut está bonito de se ver. Lembro que só havia uma fotografia e parecia que você tinha 2 metros de altura. Agora estou vendo que você é muito maior do que isso.

Um Beijo.

leh disse...

É td muito relativo ''/

ficou bom (y)

Ná Jornalista disse...

Brennaaaaa...te desejo toda boa sorte e sabedoria para escolher caminho do blog ;)
E o texto, lindo e sábio como sempre!obrigada pelas dicas...

Beijo Ná Carvalho

Cinara Lisboa disse...

Palmas de pé...mais um vez!
É Brena...como sempre: brilhante!
Então...passando pelo mesmo dilema...e concordo plenamente...não precisamos aceitar migalhas se podemos ter o pão inteiro...Como diz a minha mãe...Se não quer, há quem queira!

Abracos!

Ps: Destino incerto do blog...espero que dê tudo certo! Mas não me deixe fora desta!

Anne Baylor disse...

Brena,
Linda, linkei vc.. Adoro isso aqui.

Bjus


=]

Doutroladodomar disse...

Quem não tem um ex que quase fodeu nossa vida ( quase porque sobrevivemos ) ,é porque não viveu intensamente até agora ...Bj

Paula Estrela disse...

Brena,

Ah, linda, obrigada pela visita!! Saudades de você, tá?

Bjos e sucesso, sempre, sempre.

Dory disse...

Oie!!

e quando simplesmente não existem mais bons peixes no mar?? quando a gente fica presa numa idealização de anos e não consegue levar adiante nenhum outro carinha pq acha q não são bons o suficiente.. =( chato isso... hehehe mas é bem isso, essa é a atitude "não me quer não me merece e tchau q vou curtir minha vida!!!" eeee!! haha

Ah, eu sempre entro e leio aqui, só que não comentava antes... =)

Bjoss

david santos disse...

Olá Brena!
Gostava de estar aqui a chatear-te,mas no local onde me encontro não tenho acesso à net. Como aconteceu esta grande tragédia hoje no Brasil, fiz um texto e enviei ao meu filho via móvel e fiz questão para ele não te deixar passar em claro. Mas, quando voltar, ainda vais pagar por elas todas, não percas os textos. Quero ler tudo, nem um pode escapar.

Estou solidário com o povo brasileiro neste momento tão TRÁGICO. A vida só nos permite dois termos: a felicidade ou a infelicidade. Desta vez, quem mandou foi a segunda. Que a vida continue feliz para os que ficam.

David Santos

Fábio C. Martins disse...

Com poucas palavras você conseguiu dar uma lição de vida. Não tenho nem o que comentar, só a acrescentar, ou melhor, ratificar.

Também acho que chorar não vai adiantar nada. O melhor mesmo é sair pra rua, dar boa risadas, chamar os reais amigos (esses são pra vida toda) e sair.

Beijos e um bom resto de semana.

Laura Pantaleao disse...

ei brena!

postei lá no meu blog algumas fotitas do reencontro da galera da puc. você perdeu, uma pena! foi pouca gente (só os chegados mesmo, como já tinha previsto), mas muuuuito divertido. rimos à beça!

dá uma passada lá pra ver as ftos,ok?

beijos

*Lusinha* disse...

E depois de conseguir enxergar tudo isso, devemos acrescentar uma boa dose de vontade.
Bjitos!

Luiza Lisboa disse...

Lindoca!
Brigada, eu tinha que ler isso!
Mil bjos em vc e no Pituco!

Sharm disse...

hey

you are chosen by sharm to represent your country in the first international blog
WUB (World United Bloggers)
the aim of this blog is to prove to the world that the difference in our languages and religions and colors doesn't make us hate each other and we can make this world better if we say our opinion with a respect to the opinion of the others
if you are agree to join us please send e-mail with your nick name , age , country and your blog address on sharm_lover@hotmail.com to send you activation mail which makes you read every thing about the WUB (World United Bloggers) and it's aims
thanks

Sharm

Juliana Marchioretto disse...

é isso mesmo!
sofre quem quer...


beijos

Nina. disse...

Textos cada vez mais maravilhosos a cada nova visita!


Adoro isso aqui!

Beijoca.

EMALMADA disse...

Agradável e interesante blog você tem.
De Almada Portugal

Mônika Mayer disse...

Parabéns pelos textos, sensíveis, atingem o ponto exato da alma!

Já sou sua fã!

Um abraço,

Mônika

Loh_rayne disse...

Perfeitooo os textos !

Cris disse...

concordo, concordo..o negocio e' que esse ciclo se repete sempre. A genta ja nao deixa espaco para a dor porque realmente tem semre uma fila que anda...

EMALMADA disse...

Fico grato por você visitar meu blog que pretende ser um exercício de cidadania.
É pena seu blog ficar com acesso restrito porque os textos que você escreve são bons de ler e pensar, no conteúdo.

Moita disse...

Eu só não sei se meu cadastro foi aprovado.

1 cheiro

Lunna disse...

Oi Brena.
Vez ou outra é bom ligar o f****... Eu estou no meu momento de ausências. Onde liguei o "não estou para ninguém". Dei um tempo pra respirar e pensar no momento seguinte, quando vou precisar apertar o bom de start. Enquanto isso, estou nas nuvens, refletindo e relaxando.
Beijos e até breve.

Anônimo disse...

Um beijo direto de Casablanca!

Anônimo disse...

E ViVA as Diferenças!!!...este texto me serviu como um ótimo despertador...;).Marcela Bofer.

-=|Ø |-|ä®ägäñö|=- disse...

Não existe dor que não passe, nem ferida que não cicatrize.
Mas só o tempo faz-nos compreender isso. O importante é perceber que aquela pessoa que não te amou, definitivamente não é a pessoa da sua vida. Por mais que você, no momento, deseje que ela seja.
Pensei assim...quantos caras bonitinhos existem no mundo? E quantas mulheres lindas e inteligentes existem? Bem mais raras que os bonitinhos né? Ou seja, quem perdeu foi o bonitinho....risos
beijo!
faz tempo que não venho aqui...rs

Anônimo disse...

Oi querida,
sempre visito seu blog!!!
Adooooooooooro...
depois dá uma passadinha lá no nosso: http://nodivavirtual.blogspot.com/
Bjus
=)

Tatiana Campos disse...

oi brena
muito bom... muito inspirador pra quem está passando por isso. indiquei seu texto pra uma amiga, que está exatamente assim...
Queria te falar que eu também já copiei uma imagem sua, uma frase entre aspas... Não achei que fosse ser prejudicial a vc... Me desculpa se for o caso. Beijao e parabéns!!!

Rebeca disse...

Querida, texto tudo-de-bom!!
(pra variar né? hehehe)
É bem verdade tudo q vc diz aí, mas vamos concordar que não é fácil chegar nessa conclusão!! E também não adianta ninguém falar não, a gente só aprende errando!! Então vamos errar pra poder aprender!!

beijos

m disse...

Oiiii
qto tempo... estou de volta ao mundo dos blogs, e o primeiro lugar q quis vir foi aqui...
amo seu blog...
termino de namoro é ruim... a gente pensa em sim's nao's e nunca sabe se a decisao foi a correta..
mas vc ta certa... ninguem é ultima bolacha do pacote...
bjos

Juliana Mattoni disse...

como vc é clichê

B R E N A disse...

Como tem gente sem mais o que fazer nesse mundo e sem homem pra dar, né?!
Dureza...

Andréia Castro disse...

Brena,adorei o texto!
É tão difícil encontrar alguém realmente bacana,q goste da gente de verdade,q nos trate com mta educação e respeito...Não adianta ser lindo,se for um babaca!Prefiro alguem bonitinho,e cheio de qualidades.

bjs

Enterufter disse...

Adorei os textos! vou vir aqui com mais calma pra ler todos.

Tens muito talento.

Bju grande!

Enterufter disse...

Adorei os textos! vou vir aqui com mais calma pra ler todos.

Tens muito talento.

Bju grande!

Mary Gany disse...

Juliana Mattoni...

Quando despeito heim?!

E vc acha que blogg miXuruca é ótimo, aliás, pelo menos bom?! Estas enganada...

Nem se vc utilizasse os clichês(que vc diz que a Brena utiliza,) vc não teria METADE das visitas dela.

Seu blog é simplesmente TOSCO!!

Falo isso pq fui, visitei, só não comentei pq nem deu vontade... de tão banal esse seu blog... No maximo 6 visitas...

Melhora essa penubra minina!!

Se torne mais MULHER em suas atitudes...

O BRENA, foi mal estar usand o seu blog, para comentar a essa minina, mas achei um desaforo ela vim aki e ridicularmente fazer comentário "sem pé e sem cabeça".

Acho que Juliana Mattoni...

No mínimo de educação(ela que presa tanto isso, afinal de contas, até a manicure já "chamou a atenção" dela com algo.), ficasse calada, afinal de contas isso é maturidade, não é mesmo?!

PS: o texto foi escrito em palavras bem simples, para que Juliana Mattoni... entenda facilmente sem queimar mais nerônios!!

:D

Um abraço a todos!!

B R E N A disse...

Uns podem brilhar... outros vivem à sombra do brilho que a gente faz.

That's life!

david santos disse...

Já sei que este fim-de-semana vou ter de fazer trabalho extra. Vamos lá ver! Vamos lá ver!

POR MUITO QUE CUSTE A MUITA “BOA” GENTE, NÃO VAMOS DEIXÁ-LO ESQUECER.

Esta semana venho incomodar todos os blogues brasileiros. E por quê? Porque não quero que esta data fique esquecida. Mas que data? Pois é, é mesmo isso! Este ano, de 2007 faz 160 “cento e sessenta anos”, que nasceu um grande vulto da poesia brasileira. Quem foi?
Faz também este ano, 2007, 136 “cento e trinta e seis anos” a data do seu falecimento.
Quem foi?

Eu não devia ajudar nada, mas vou-vos dar um cheirinho: “Espumas Flutuantes”, Salvador da Bahia, 1870.

Quem souber, pode deixar a resposta no meu último poste.
Quem não souber, tenha a dignidade de perguntar no mesmo local. Pois aprender não enche barriga nem mata miolo.

David Santos

O Mimeógrafo Pisca-Pisca disse...

Brenuska Cold Cold Heart,

Minha miss de coração gelado e saudosa vizinha peladona, quanto tempo não te leio e quanto tempo sem me ler.
Acho até que está me gelando. kkk

Espero que você não me bloqueie do seu blog, senão não sei aTé oNDe Vai nossa amizade. Espero que não termine em reticências.

Beijão do amigo Pisca-Pisca.

Fernanda disse...

Adorei!!!!! Nossa, foi muito bom ler esse post. Obrigada pela "luz". E é isso mesmo, você nunca mais vai encontrar alguém como ele, vai encontrar melhor!!!! Beijo.

Juliana Mattoni disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
david santos disse...

"Viva e deixe morrer"

Olá minha linda! Então!?
Pois é! Este texto, embora seja com características pessoias: conversas tidas ou a ter, considero-o um relato, mas não discordo de muito que nele contém. Contudo, discurso com o mais significativo, embora admita, para muitos, ser o menos significativo. É o morrer.

A morte, como idónea que é, tem um defeito muito grande: acolhe todos.
É nisto que eu sempre que discuto com a morte, nunca chego a um acordo com ela.
Com é sabido, a morte não mata: acolhe-nos. Mas acolhe todos por igual; e isto é um grande defeito da morte. Pois ela só devia levar os bons; ou melhor, acolher os bons e deixar o resto, os maus, aqui na terra continuando a sua luta de maldades e ingratidões. Contudo, a morte como pessoa de bem, comete um grande erros em acolher-nos a todos por igual. É que não só "gramámos" os maus em vida, como vamos ter de os "gramar" depois da ordenação da morte.
Gosto muito da morte, mas esta de ela nos meter a todos no mesmo saco, quando ela me acolher, não lhe vou perdoar. É preciso ter lata! Receber-me da mesma forma que irá receber toda a corja de bandidos.
É só nisto que a morte me chateia. O resto, tudo bem.

Abraços.

David Santos

Ah, ainda não me disseste quem foi Castro Alves. Está a fazer sessenta anos que morreu. Quero saber.

david santos disse...

Quando digo discurso no segundo parágrafo, quero dizer discordo.
Abraços

Diva disse...

Tendo aprendido no último filme do Batman o que a maioria das moças que conheço aprenderam na época da menstruação eu até entendo pq o texto é igualzinho ao que minhas amigas costumavam me dizer aos 15.

margacianca disse...

Adoreiiiiiii!!!!!! ameiiiiii!!!!!
serviu certinho pra mim!!!!!
kkkkk.

Nathalia Angelino disse...

Ameiiiiiiii seu "desabafo" -digamos assim. rs...
Serviu muito pra mim!!! Terminei um namoro há mais de um ano e meio... mais mexe e com isso me fechei pro mundo! As vezes tento, mais nada é como ele.
Mas seu texto me ajudou mais um pouquinho...e concordo plenamente com vc em todas palavras.
Beijos

Ps: o termino foram os piores dias... cheguei totalmente no fundo do poço... decepcionei todos q me amavam de verdade!!! Mais passou...espero sempre encontrar forças e mais forças pra sair dessa. Obrigada pelo texto!

priscillaconsidera disse...

Nossaaaa, que texto foda!!!!!!
Exatamente o que estou passando.
Amei

Carolina Braga disse...

'Meus amigos dizem que sou fria. Que tenho coração de gelo. De jeito nenhum! Sou apenas prática. A dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional. Até porque nunca tive talento pra auto-flagelação.'

Agora quem vai morrer do coração sou eu!!!!!!


...

Esquece.

Beijo!

PS: Acho que vou dar um tempo daqui, senão quem infarta sou eu. *-)
PPS: Tem certeza que não és leonina nem se chama Carolina?rs

Carolina Braga disse...

"Juliana Mattoni disse...
como vc é clichê

Julho 28, 2007 8:55 PM


B R E N A disse...
Como tem gente sem mais o que fazer nesse mundo e sem homem pra dar, né?!
Dureza..."



(RINDO MUITO³!
kkkkk)

Aiaiai... ninguém disse pra essa desavisada que a vida é que é um clichê, e se dá melhor quem enxerga as entrelinhas de toda essa obviedade absurda e intrigante (?).

Beijos, moça! Vc 'causa' viu... foda!kkk

=)

Anônimo disse...

nossa falou tudo que eu precisava ouvir, é muito dificil quando o namorado troca vc pelos amigos, quando não te coloca em primeiro lugar e vc ainda acha que ele te merece
é dificil acordar pra vida e saber que tem outros homens por ai
faz parte da vida aprender né
eu ainda tenho que errar muito

obrigada pelos conselhos, adorei
beijo :*